Como sabemos amar?

Como sabemos amar?

Mas era amor.
Quem seria eu para
dizer que aquilo não era amor?
Ninguém ensina ninguém a amar.
A gente simplesmente sente.
A gente simplesmente faz.
E ele fazia, todos os dias,
mesmo que eu não soubesse disso.

Nenhum comentário