Excelentes filmes relacionados à poesia


Todos os filmes tem seu público e não seria diferente com os fãs de poemas e prosas em geral. Os grandes poetas normalmente ganham em sua homenagem, declamações em lugares públicos e/ou documentários, que por sua vez, é apresentados nas escolas e universidades.  Mas neste breve artigo iremos mais além e listaremos alguns dos filmes mais famosos ligados aos versos e ideias que ficaram gravadas na mente dos fãs.


01 - Sociedade dos Poetas Mortos



Não lemos e escrevemos poesia porque é bonitinho. Lemos e escrevemos poesia porque somos membros da raça humana e a raça humana está repleta de paixão. E medicina, advocacia, administração e engenharia, são objetivos nobres e necessários para manter-se vivo. Mas a poesia, beleza, romance, amor... é para isso que vivemos.

O filme conta a historia de John Keating (um professor de poesia inteligente) em uma escola apropriada apenas para Jovens, chamada: Academia Welton, uma das melhores escolas da época nos EUA. Este mesmo professor incentiva os alunos a 'pensar mais' e fala de um grupo antigo de pessoas, cujo nome desta união era chamada de: Sociedade dos Poetas Mortos. Os jovens recria um novo grupo e forma novamente esta "Sociedade" e assim ficam cada vez mais livres com seus pensamentos. 




O mesmo é um grande clássico e permite que a cada vez que você o assista descubra novas interpretações nas ideias dos personagens. Também permite que você possa descobrir um pouco mais do mundo dos versos, pois cita alguns grandes poetas como Lord Byron.  





2 - TRANSUBSTANCIAL


"Como os velhos Templários medievais
Entrei um dia nessas catedrais
E nesses templos claros e risonhos ...

E erguendo os gládios e brandindo as hastas,
No desespero dos iconoclastas
Quebrei a imagem dos meus próprios sonhos!"

Augusto dos Anjos foi um poeta não compreendível em sua época, mas ao passar do tempo sua poesia, quando descoberta, ficou mais lida do que os grandes autores da época como Olavo Bilac. Hoje seus versos são cobrados até em concursos e universidades. 


O filme "TRANSUBSTANCIAL" mostra alguns poemas do Augusto que está disponível em sua única obra publicada o "EU" que em suas novas edições contém outros poemas descobertos do Augusto. Este pequeno filme é apresentando também em alguns lugares culturais.




 
 3 - Noel Poeta da Vila


"Dançamos um samba,
Trocamos um tango por uma palestra
Só saímos de lá meia hora
Depois de descer a orquestra"


Noel Rosa: Cantor, compositor, poeta, namorador e um dos grandes nomes do samba! O filme "Noel - Poeta da Vila" retrata sua bela vida nos cabarés e lugares que andava com suas ´namoradas´. Também mostra como o mesmo conseguiu compor suas músicas e como infelizmente faleceu.

É um belo filme para os fãs da musica brasileira e do Noel Rosa.




4 - CAMÕES


"Amor é um fogo que arde sem se ver; 
É ferida que dói, e não se sente; 
É um contentamento descontente; 
É dor que desatina sem doer"


Um dos maiores poetas da língua portuguesa têm, em sua homenagem, um grande filme clássico realizado por José Leitão de Barros, cujo título carrega seu nome.  

Afirmou 
António Ferro:
“uma grande obra, um grande fresco cinematográfico que honra não só o cinema nacional como constitui padrão da sensibilidade portuguesa, marco da sua epopeia, tapeçaria movediça da sua glória”.


— Por ser uma edição antiga: Sua imagem é preto e branco, porém não deixa de ser um dos melhores filmes produzidos abordando uma biografia.





5 - Cruz e Sousa - O Poeta do Desterro


"Tu és o louco da imortal loucura; 
O louco da loucura mais suprema.
A Terra é sempre a tua negra algema,
Prende-te nela a extrema desventura."
Cruz e Sousa, principal nome do simbolismo brasileiro e o maior poeta negro da língua portuguesa, é filho de escravos e recebeu o reconhecimento merecido, assim como Augusto dos Anjos, apenas depois da morte. 


O filme mostra, desde o inicio, algumas paixões do poeta e sonetos escrito pelo mesmo. Vale apena assistir, — pois toda a crua poesia eterna do poeta está no filme. 




6 - Gregório de Mattos 


"A cada canto um grande conselheiro,
Que nos quer governar cabana e vinha; 
Não sabem governar sua cozinha, 
E podem governar o mundo inteiro."

Gregório de Mattos ou "Boca do inferno" é um dos grandes nomes do barroco brasileiro. Escreveu poesias lírica, satírica, religiosa e erótica. 


Sinopse do filme:


 Gregório de Mattos, mais que uma lenda, gênese da poesia e da literatura, foi um dos maiores poetas brasileiros. No tempo de um dia desse homem falastrão, inteligente, perigoso e lúdico, acompanhamos Gregório (magistralmente vivido por Wally Salomão) pelas vielas coloniais de Salvador, nos idos de 1600. Seus pensamentos se expandem. Seus poemas tornam-se diálogos nos encontros das esquinas. Dividimos com ele, cronista da cidade, seus delírios espirituais e eróticos. O filme é poesia pura. Intacta como há 400 anos.


      7 - Castro Alves - Retrato falado


"Vejo além um futuro radiante: 

Avante! — brada-me o talento n’alma 

E o eco ao longe me repete — avante! — 

O futuro... o futuro... no seu seio... 

Entre louros e bênçãos dorme a glória! 
Após — um nome do universo n’alma, 
Um nome escrito no Panteon da história."


Castro Alves escreveu poesia romântica, mas seu grande trabalho na poesia foi escrever de maneira que defendesse os escravos. Daí recebeu o apelido "Poeta dos escravos" e de maneira sem esconder a real vida do poeta o filme "Castro Alves - Retrato falado" aborda sua luta contra o preconceito que sofria na época os negros.

SINOPSE do filme:


Castro Alves, Retrato Falado do Poeta é uma ficção de 70 minutos com situações de documentário, protagonizada por Bruno Garcia. O filme recupera a atuação do escritor nas lutas pela proclamação da república e a abolição da escravatura, além de mostrar seu lado apaixonado e até mulherengo. O personagem-título viaja pelo Brasil com suas poesias e seus ideais, passando pela Bahia, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo. Nessa viagem, o espectador também embarca.

0 comentários: