Poema para minha amiga Roana - Danilo Soares

Poema para minha amiga Roana - Danilo Soares




A minha vida
É uma árvore caída,
Porém; Roana — 
Amiga minha — a deixa 
Na semana
Dos meses sem a baixa 
Autoestima!
Sim, sim! Pois ela é
Igual a rima
Que completa e inda pode 
Harmonizar 
Músicas e outras artes.
Ela faz parte
De as vezes os meus risos!
Faz-me cantar.
Na escola faz paraísos!
Faz-me rir, faz-me ser,
Faz-me viver.

II

É Índia, paraibana e nossa artista!
E também como Rio Tinto, alegra-me.
Alegre, ela transforma o pessimismo 
Em ridcularização! Pois faz charme.

'Quele som d'água caindo do chuveiro 
Que produz elegâncias musicais,
Ela faz graças igual este som!
E, Porquanto, ela ainda é bela mais.


Danilo Soares

Nenhum comentário