Era um lugar - Poema - Danilo Soares

Era um lugar - Poema - Danilo Soares

Era um lugar assim: encantado,
Que mexia a alma,
Que movia meu riso
E me fazia acolhido.
Era um lugar grande,
Pessoas talentosas,
Bons mestres.
Foi ficando solitário,
Assim bem parado como o poste
Numa madrugada sombria,
Foi ficando enjoativo,
Perdeu a música,
Os talentos murcharam,
Os mestres se mostraram reais,
Perdi meu riso
E o lugar virou um vazio
Que coube a depressão de todos.


Nenhum comentário