A tristeza do Palhaço

A tristeza do Palhaço

No soneto decassílabo de Cruz e Sousa, poeta simbolista brasileiro, há uma grande imagem e citação há um palhaço. O autor cria uma ponte da melancolia humana e a derrama no artista pintado - Gargallha, ri, num riso de tormenta,/ Como um palhaço, que desengonçado, nervoso, ri [...] - através de comparações.
  Porém essa não é a única obra que a figura descontente do palhaço é retratada, nos quadrinhos da editora Dc Comics, vê-se, em diversas edições, a personagem Coringa, que é o maior violão do principal herói da Dc, o Batman.
  O mesmo é visualizado como esquizofrênico, sociopata e amante do caos, todavia, também contém seu lado triste e isso já fora mostrado em outras plataformas da Dc Comics, por exemplo, no cinema, no filme Batman: O Cavaleiro das Trevas, o vilão palhaço chega a se identificar e responder ao Batman que este o completa, uma vez que sabe que é vazio por dentro e precisa da existência de seu maior inimigo para se sentir bem.
   Em última análise, a figura do palhaço é lembrada por muitos como uma imagem de uma pessoa triste, isso deve ter sua explicação pelo fato de ser o desabafo de um ser humano por meio da arte, nesse caso, o teatro.

Filme Joker

Nenhum comentário