Sobre os "Carnavais" de Allst

Sobre os "Carnavais" de Allst


 Allst é um músico jacarauense conhecido regionalmente por suas canções "Bailes da Norte", "Problemas", "Mais Uma Dose" e "Levando na Pureza". Recentemente lançara seu mais novo som, Carnavais, que traz versos melancólicos, exibindo o lado sensível do eu lírico.


 
Sabe-se que o Brasil é conhecido como o "país do carnaval", e, os brasileiros como "pessoas alegres". No entanto, o Carnaval da canção de Allst não é um carnaval contente, muito menos o eu lírico brasileiro presente nela, isso porque o ouvinte é levado para os conflitos e crises da personagem. 
 
Me afogo no meu travesseiro
Me afogam as lágrimas de medo
Me afogam as minhas bebidas
Vivo me esperando bêbado

 
Percebe-se também uma perturbação relacionada a um antigo relacionamento amoroso. A musa aqui deve ter rompido com o eu lírico, que por sinal, anda tendo crises constantes por conta disso. 

Te vi e nem te procurava,
Tive uma crise em madrugada,
Sou um pesadelo pra mim mesmo,
Sorriso falso numa vida sem graça...

Logo depois, vem o desabafo, que tudo indica que fora diante um período carnavalesco:
 
Mil carnavais e nada mais
Traz a cor que eu inventei
Pra explicar você...
 


Mais adiante, é visto toda a sensibilidade da personagem, onde acaba entregando tudo ao destino, ou melhor, a natureza, resgatando dessa maneira, o simbolismo da chuva para o poeta.


[...] Que a chuva me lave, me leve pra longe
Um lugar onde não exista teu nome
Que o meu sofrimento seja pra curar.

Noites, luzes, fumaça, cigarro
Não esqueço o jeito dela de falar
É sozinho que cê tem de ficar...


   


Captação de Voz: A Planty

Letra/Vozes: Allst 

Beat/Mixagem/Masterização: Yank

 Filmagem/Fotografia/Edição & Finalização: Erick Gabriel & Roma

 

Em última análise, a canção pode ser acessada no youtube. O trabalho está dinâmico e apreciável. Allst novamente nos entrega o que mais sabe fazer de melhor: música boa.

Nenhum comentário